Programa do Seminário Internacional A/LM

Seminário com tradução simultânea

Introdução

livro-bank-evaluationNa medida em que o mundo das instituições financeiras vai deslocando sua preocupação, do crescimento do volume de suas operações para uma maior preocupação com taxas de retorno sobre o patrimônio, os conhecimentos sobre gerenciamento de ativos e de passivos (A/LM) vão se tornando uma necessidade para todos os profissionais responsáveis pelo centro de resultados.

O gerenciamento de ativos e passivos – A/LM – é uma ferramenta que assegura a tomada de decisões, o controle da exposição a riscos e a mensuração do desempenho em consistência com os objetivos estabelecidos pela alta administração das instituições financeiras. 

Estrutura do treinamento

  • Combinação de apresentações com discussões sobre conceitos e assuntos práticos.
  • Estudo de casos (cases) que representam um desafio para o Comitê de Gerenciamento de Ativos e de Passivos (ALCO).
  • Seminário prático onde os participantes são convidados a formar equipes, cada qual representando o Comitê de uma instituição financeira.
  • São tomadas decisões relacionadas à formação de preços de produtos financeiros, ao gerenciamento das demonstrações financeiras e das operações registradas em contas de compensação.
  • As simulações contemplam ferramentas avançadas de controle que auxiliam os participantes a compreenderem as fontes de lucratividade e de riscos quando determinadas operações são realizadas.

São considerados:

  • Relatórios de Auditoria sobre a rentabilidade dos produtos.
  • Descasamentos que influenciam a determinação de preços das operações (GAPS).
  • Descasamento de Liquidez.
  • Um Modelo de Simulação – A SIMULATION MODEL.
  • An Equity-at-Risk (Duration-based) Report (Yield Curve Twist included).
  • Relatório descrevendo riscos com opções.
  • Simulação contemplando a utilização de moedas estrangeiras.
  • O ALCO CHALLENGE pode ser operado em Português.
  • Metodologia de ensino do INSEAD/França, que mescla transmissão do conhecimento através de seções “palestras” em plenária/sala, com todos os participantes e uso de sofisticada ferramenta de simulação “SOFTWARE ALCO CHALLENGE”, utilizado pelos participantes em grupos de 6 a 8 participantes. Excelente metodologia de ensino, fixa conhecimento, desenvolve habilidades de relacionamento, liderança e trabalho em equipe.
  • O IEF traz o Seminário A/LM para o Brasil com a melhor metodologia de ensino de uma das melhores Business School do mundo: INSEAD.

Objetivos do treinamento

Especial atenção é dada ao Novo Acordo de Capital – Basiléia III

  • Criação de Valor para os Acionistas: Gerenciamento baseado nos resultados representativos dos dividendos livres de impostos (ROE – RETURN ON EQUITY);
  • Centro de Gerenciamento do Valor e o Papel da Tesouraria (abordagem baseada em RAROC e EVA – retorno sobre o capital ajustado ao risco e no valor econômico agregado);
  • Opções embutidas, transferência do risco de crédito, alocação de patrimônio, taxas ajustadas a riscos com barreiras;
  • Riscos de crédito e de contraparte dadas as taxas esperadas e não esperadas de inadimplência, de recuperação, e as taxas ajustadas a riscos com barreiras (gerenciamento de carteiras);
  • Securitização – Relação inversa entre empréstimos registrados em contas patrimoniais e os ativos dela originários;
  • Avaliação dos Riscos de Mercado (relatórios representativos dos descasamentos entre ativos e passivos, simulações relatórios relativos à sensibilidade da carteira ao movimento em taxas de juros, Valor em Risco (VaR));
  • Utilização e controle dos instrumentos registrados em contas de compensação (inclusive derivativos tais como futuros, opções e swaps);
  • Avaliação de desempenhos (resultados positivos e resultados adversos – RAROC/EVA; provisão para perdas com operações que geram exposição ao risco de crédito; alocação de recursos de acordo com orçamentos versus alocação de recursos efetivamente observada; contribuição marginal em função de riscos assumidos);
  • Capital regulamentar (Basiléia 1988, 1997, Basiléia III). Modelos Internos e teste de aderência aos resultados observados (BACKTESTING).
  • Simulações que contemplam a utilização de ativos e passivos referenciados em moedas estrangeiras.